Vem aí a 6ª Conferência Nacional de Saúde Indígena (CNSI)

Você sabia que a 6ª CNSI é o momento mais importante para a saúde dos povos originários do país dos últimos 20 anos? Pois é! Ela chega para atualizar a Política Nacional (PNASPI) que dispõe sobre as condições de assistência à saúde dos indígenas aldeados, aprovada em abril de 2002.

Ah, e o melhor de tudo é que a atualização ocorrerá com a participação ativa dos 1,8 mil delegados eleitos pelos segmentos (indígenas, gestores e trabalhadores), a partir de eleições locais e distritais.

A 6ª CNSI é tão importante que o Conselho Nacional de Saúde (CNS) e o Ministério da Saúde, por meio da Secretaria Especial de Saúde Indígena (SESAI), não medem esforços para planejar e realizar esse grande momento.

Onde e quando vai ser? Em Brasília, de 14 a 18 de novembro de 2022.

O tema desta edição é: Política Nacional de Atenção à Saúde dos Povos Indígenas: Atenção Diferenciada, Vida e Saúde nas Comunidades Indígenas.

“Para nós é muito claro que a saúde indígena precisa ser feita não para, mas com os indígenas. São eles que sabem, melhor do que ninguém, suas necessidades. Enquanto promotores da PNASPI, nossa missão é criar todas as condições para que o indígena brasileiro aldeado receba o tratamento que precisa, na maior velocidade possível e com o respeito que ele merece”.

Reginaldo Ramos Machado, Secretário Especial de Saúde Indígena

 

 

VÍDEOS



NOTÍCIAS